27 de dezembro de 2010

A FORÇA DO PECADO

Sabemos que a Lei é espiritual, mas eu sou humano e fraco,vendido como escravo ao pecado.
Não consigo entender nem mesmo o que eu  faço; pois não faço aquilo que eu quero,mas aquilo que mais detesto.
Ora, se eu faço o que não quero,reconheço que a Lei é boa;Portanto,não sou eu que faço,mas é o pecado que mora em mim.Sei que o bem não mora em mim ,isto é, em meus instintos egoístas .O querer o bem está em mim, mas não sou capaz de fazê-lo.Não faço o bem que  quero, e sim o mal que não quero.Ora,se faço aquilo que não quero, não sou eu que o faço, mas é o pecado que mora   e mim.
Assim, encontro em mim esta lei: quando quero fazer o bem , acabo encontrando o mal.No meu intimo, eu amo a lei de Deus;mas percebo em meus membros outra lei que luta contra a lei da minha razão e que me torna escravo da lei do pecado que está nos meus membros.
Infeliz de mim! Quem me libertará deste corpo de morte?Sejam dadas graças a Deus,por meio de Jesus Cristo, nosso Senhor.Assim, pela razão eu sirvo à lei de Deus ,mas pelos instintos egoístas sirvo à lei do pecado.



Romanos 7,14-25

18 de dezembro de 2010

O DESAFIO DE AMAR

Durante essa semana me permite assistir um filme , nessa correria que anda a minha vida, com fim de ano chegando e um monte de tarefas e promessas não cumpridas ainda , aff!!!
Este filme me chamou a atenção porque foi indicado por um amigo , relutei no primeiro momento em assisti-lo,então já se passaram quase dois meses do empréstimo do filme,resolvi.Vou assisti-lo, entaum.... assisti o filme , e ele mexeu muito comigo ,o nome do filme é:
Prova de Fogo é uma historia de um bombeiro, um profissional exemplar que vem enfrentado problemas com seu casamento.Depois de aceitar um desafio proposto pelo seu pai( através do livro diário O desafio de Amar) a fim de salvar seu relacionamento com sua esposa, o bombeiro consegue reacender a chama do amor entre eles.
Após assistir ao filme também me interessei em ler o livro,comprei e topei o desafio: "O desafio de Amar",e aprendendo com ele, tive um feedback de sua consultoria, que o amor tem que ser direcionado, agir mais com a razão e não com coração , que é um   enganador, isso é uma dica pra ser feliz.Somos "ensinavéis", e esse é momento certo de fazer aquilo que é mais importante pro seu relacionamento.
Mas ... sabe ...como eu sou uma pessoinha muito ansiosa,dei um passo maior que a perna, como de vez enquando isso acontece, fui para o 23º dia do livro, se estou lendo o 2º ,rsrs ,normal!!E me identificando muito com a situação ,resolvi compartilhar com vocês,e duvido muito se vocês não irão se identificar.Assim diz:
O DESAFIO DE HOJE: Nos convida a remover qualquer coisa que esteja atrapalhando o seu relacionamento, qualquer vicio ou influenvcia que esteja se infiltrando em seu amor e afastando o seu coração do seu conjuge.
O tema desse dia : O amor sempre protege.
Lema:O amor tudo sofre I Cor13,7
Parasitas???? Tome cuidado com os parasitas.Um parasita é tudo aquilo que se junta a vc e seu companheiro(a) suga sua vida do seu casamento.Eles na maioria das vezes , tomam a forma de vicio, como drogas, apostas, internet, pornografia.Eles prometem prazer, mas crescem como uma enfermidade e consome mais e mais o seus pensamentos, tempo e dinheiro.Eles roubam sua fidelidade e seu s2 coração daquele que vc ama.Acredite vigie , ore, e direcione sua vida , Deus na frente de tudo.Bjim KEMT.

14 de dezembro de 2010

Qual é a ChAvE????

Hoje eu acordei com olhos voltados pro céu,
acordei com vontade de adorar as coisas do alto,
acordei com um imenso amor que Deus fez renascer
em mim.Depois de algum tempo que desejei e amei outras coisas
que não eram do seu agrado e na verdade nem meu.
E quando eu amava e desejava essas outras coisas me afastei de ti , burrice,
talvez passou pela minha cabeça que eu me afastando,tu não sentiria a minha 
falta, mas o SENHOR veio ao meu encontro , OBRIGADA SENHOR!
Neste momento eu te glorifico com esse cântico:
KEMT

 Permite que te adore

       Permite que eu te toque apenas uma vez
Permite que eu te fale apenas um instante
Permite que eu me atire em teus braços
E deixa que eu te entregue o meu cansaço
Permite que eu me abra um pouco mais
Permite que eu derrame a minha vida em Ti
Perdoa-me, Senhor, se eu não sei rezar
Me acolhe, meu Jesus, se acaso eu chorar
Quantas vezes eu julguei não ser digno de Ti
Contemplando tua face hoje descobri
Se eu te tocar não posso te manchar
O poder é teu e é o Senhor quem pode me limpar
Creio em ti, Jesus, sei que podes me livrar do meu pecado
Contemplando-te me sinto ser lavado
Em Tua presença sou abençoado
Creio em ti, Jesus, para sempre eu te bendirei e adorarei
Pois o Teu amor hoje curou a minha dor
Com os anjos eu te glorificarei
Permite que eu te adore um segundo mais
Permite que os meus erros fiquem para trás
Permite que eu me atire em teus braços
E deixa que eu Te entregue o meu cansaço
Quantas vezes eu julguei não ser digno de Ti
Contemplando tua face hoje descobri
Se eu te tocar não posso te manchar
O poder é teu e é o Senhor quem pode me limpar
Composição: Dalvimar Gallo

9 de dezembro de 2010

Quanto vale uma vida mesmo????



Esse era um mestre no que fazia!!! Grande professor Kássio Vinicius, amante da natureza, excelente profissional!!
NA CERTEZA DE UMA VITORIOSA DERROTA, DE UM SONHO ACABADO, SUAS LUTAS E DESAFIOS SE PERDERAM DELE , NUM ÓDIO QUE FLUIU DAS VEIAS NEGRAS DO MAL,FEZ NUM BRILHO DE UMA LAMINA O ALVO DE UM SILENCIO EM LÁGRIMAS VERMELHAS, EM MAIS UMA ESTRUTURA FAMILIAR QUE SE VAI NESTE CAOS URBANO DE VIOLENCIA E TERROR, QUE PAÍS É ESTE?NINGUEM RESPEITA A CONSTITUIÇÃO,MAS TODOS ACREDITAM NO FUTURO DA NAÇAO.!!!!


O caso é bem simples: professor de Educação Física, Kássio Vinícius Castro Gomes, de 39, foi morto a facadas, no início da noite de terça-feira, dia 7, por um de seus alunos, no interior do campus do Instituto Metodista Izabela Hendrix localizado na Praça da Liberdade, em Belo Horizonte(MG).

Acredita-se que o motivo do crime seja a insatisfação do aluno com as notas recebidas de Castro. Ainda de acordo com as testemunhas, o suspeito teria fugido em uma moto após o crime, deixando a faca caída próxima à vítima. O principal suspeito é Hamilton Loyola Caires, 23, e seu irmão já disse à polícia que o rapaz é usuário de drogas.



"O agressor disse a policia que nao queria matar, so queria se impor...so queria deixar uma familia sem pai, uma escola sem mestre e um burraco na educação...depois dizem que droga nao faz mal..quebra esse galho maconheiros FDP!!!"

7 de dezembro de 2010

s2 s2 s2 Evidências s2 s2 s2

Quando digo que deixei de te amar
É porque eu te amo
Quando digo que não quero mais você
É porque eu te quero
Eu tenho medo de te dar meu coração
E confessar que eu estou em suas mãos
Mas não posso imaginar o que vai ser de mim
Se eu te perder um dia
Eu me afasto e me defendo de você
Mas depois me entrego
Faço tipo, falo coisas que eu não sou
Mas depois eu nego
Mas a verdade é que eu sou louco por você
E tenho medo de pensar em te perder
Eu preciso aceitar que não dá mais
Pra separar as nossas vidas
E nessa loucura de dizer que não te quero
Vou negando as aparências
Disfarçando as evidências
Mas pra que viver mentindo
Se eu não posso enganar meu coração
Eu sei que te amo
Chega de mentiras de negar o meu desejo
Eu te quero mais que tudo
Eu preciso do seu beijo
Eu entrego a minha vida
Pra você fazer o que quiser de mim
Só quero ouvir você dizer que sim
Diz que é verdade que tem saudade
Que ainda você pensa muito em mim
Diz que é verdade que tem saudade
Que ainda você quer viver pra mim
Composição: Paulo sergio Valle / José Augusto

5 de dezembro de 2010

Pais Brilhantes, Professores Fascinantes.

Pais e professores brilhantes são semeadores de idéias e não controladores dos filhos. Ninguém se diploma na tarefa de educar , aprende educando. A vida é uma grande escola que pouco ensina aos que não sabem ler a realidade que os cerca. O professor fascinante é um artesão da personalidade , um poeta da inteligência , um semeador de idéias. Professores fascinantes devem formar pensadores que são autores da sua história. Devem multiplicar homens que pensam em nossa realidade. Eles transformam a informação em conhecimento e o conhecimento em experiências. Professores fascinantes usam a memória como suporte da arte de pensar , o que contribui para desenvolver nos alunos: o pensar antes de agir , expor e não impor idéias , consciência crítica, a capacidade de debater , de questionar , de trabalhar em equipe. A memória humana é um canteiro de informações e experiências para que cada um de nós produza um fantástico mundo das idéias. Os professores fascinantes resolvem os conflitos em sala de aula. Este hábito contribui para desenvolver nos alunos: a capacidade de resolver e superar a ansiedade , resolução de crises interpessoais , socialização , resgate de liderança do EU nos focos de tensão. Professores fascinantes , educam para a vida ,m promovendo a auto- estima. Professores e pais fascinantes devem cumprir com a palavra dada. A confiança é um edifício difícil de ser construído , porém fácil de ser demolido e muito mais difícil ainda de ser reconstruído. Não importa o tamanho de seus obstáculos , mas o tamanho da sua motivação para superá-los.
Para reflexão no seu dia – a- dia... Se metade do orçamento dos gastos militares e guerras no mundo fosse investido em educação , os generais poderiam ser transformados em jardineiros , os policiais em poetas e os psiquiatras em músicos.A violência , a fome , o medo , o terrorismo , o os problemas emocionais estariam somente nas páginas dos dicionários e não nas paginas de nossas vidas. Pense nisto... .(Chicovsky)

23 de novembro de 2010

O Milagre de um novo dia


Hoje eu me levantei cedo pensando no que tenho para fazer antes que o relógio marque meia noite. 


Eu tenho responsabilidades para cumprir hoje. 

Eu sou importante. 

É minha função escolher que tipo de dia terei hoje. 

Hoje eu posso reclamar porque está chovendo ou posso agradecer às águas por lavarem energias pesadas. 

Hoje eu posso ficar triste por não ter muito dinheiro ou posso me sentir encorajado para administrar minhas finanças sabiamente, mantendo-me longe de desperdícios. 

Hoje eu posso reclamar sobre minha saúde ou posso dar graças a Deus por estar vivo. 

Hoje eu posso me queixar dos meus pais por não terem me dado tudo que eu queria quando estava crescendo, ou posso ser grato a eles por terem permitido que eu nascesse. 

Hoje eu posso lamentar decepções com amigos ou posso observar oportunidades de ter novas amizades. 

Hoje eu posso reclamar por ter que trabalhar ou posso vibrar de alegria por ter um trabalho que me põe ativo. 

Hoje eu posso choramingar por ter que ir à escola ou abrir minha mente com entusiasmo para novos conhecimentos. 

Hoje eu posso sentir tédio com trabalho doméstico ou posso agradecer a Deus por ter dado-me a bênção de um teto que abriga meus pertences, meu corpo e minha alma. 

                                                              
Hoje eu posso olhar para o dia de ontem e lamentar as coisas que não saíram como eu planejei ou posso alegrar-me por ter o dia de hoje para recomeçar. 

O dia de hoje está à minha frente esperando para ser o que eu quiser. 

E aqui estou eu, o escultor que pode dar-lhe forma. 

Depende de mim como será o dia de hoje diante de tudo que encontrarei. 

A escolha está em minhas mãos: 

Hoje eu posso enxergar minha vida vazia ou posso alegremente receber o Milagre de Um Novo Dia ! 

Silvia Schmidt 

19 de novembro de 2010

O eu e O ego


Eu gostaria de me sentir sempre feliz! E quem não gostaria? Gostaria de sentir dentro de mim aquele sentimento de plenitude que experimento quando me sinto imensamente grata por aquilo que estou recebendo. Quando recebo amor, carinho, conforto, quando tenho paz em meu coração! É assim que gostaria de me sentir, sempre. No entanto, a vida é cheia de paradoxos, e nós sabemos que não podemos estar sempre cem por cento felizes, pois no dia-a-dia muitas vezes choramos de tristeza, sentimos dor pela falta de amor, pela falta de alimento e de conforto. 

Nossa existência nos leva a experimentar a tristeza para que possamos reconhecer a felicidade. Sim, creio que precisamos do preto para reconhecer o branco, precisamos da fome para reconhecer a saciedade, precisamos da carência afetiva para reconhecer a felicidade de amar. Mas somos gratos por aquilo que recebemos? Bem, essa é outra historia! Normalmente nos esquecemos de agradecê-Lo por aquilo de bom que recebemos, mas nos queixamos, sim, nos queixamos muito por aquilo que não temos. De manhã, quando abrimos os olhos, nos lembramos de agradecer a Deus pela vida? Normalmente o Eu interior agradece, mas o Ego não. Sabem o por quê? O Ego é o outro eu, ou seja, é um eu imaginário, criado não à imagem e semelhança de Deus, mas à imagem e semelhança dos outros! 

O Ego se espelha nos outros, pois é criado em nós pelo ambiente, pela sociedade em que vivemos, pela mãe e pelos parentes que nos rodearam quando crianças. É através dessas pessoas que construímos o Ego. São eles, aqueles que nos rodeiam, que permeiam nossa mente de modelos para nos servirem de espelho. O Ego nos é útil, faz parte de nossa personalidade e não podemos prescindir dele, pois vivemos numa sociedade e precisamos estar inseridos nela, nos espelhando e nos adequando a ela. Por exemplo, vamos trabalhar de manhã e nos vestimos de acordo com as regras desta sociedade. Se vivemos no Brasil ou noutro país ocidental, estaremos vestindo um terno (os homens) uma roupa discreta e elegante (as mulheres) e nos sentiremos assim inseridos no contexto. Se vivemos num país oriental, estaremos nos vestindo de outra forma, nos comportando de outra forma, de acordo com outras regras, não é mesmo? Não são somente as regras de vestir, mas todo nosso comportamento é moldado e resulta no nosso Ego. Assim, pouco a pouco, ao crescermos, construímos em nós uma identidade, como se fosse um outro Eu. E acabamos acreditando ser esse nosso verdadeiro Eu! Mas o Eu interior, aquele que é alimentado pela centelha divina dentro de nós, este é diferente, único, não precisa de espelho, não precisa de regras, recebe alento somente do Criador. O Eu está sempre feliz! 

Por essa razão, podemos fazer essa constatação: o Eu não sofre, quem sofre é o Ego. Vamos fazer um exercício: quando experimentarmos algo ruim, uma dor, por exemplo, vamos nos perguntar: é o Eu que está sofrendo ou é o ego? Creio que o Eu sofre ao ver outro ser humano sofrer e então sente aquela dor como sua e corre para aliviar o sofrimento alheio. A isso chamamos de Amor Universal, que nos faz sentir solidários, integrados ao TODO. O Ego, por sua vez, sofre porque vê outro ser humano ‘ter’ algo que ele não tem. O Ego sofre mais que o Eu e se aprendermos a reconhecer essa dor, esse sofrimento, se aprendermos a fazer essa diferença então viveremos mais serenos. 

ntão, quando estiver sofrendo por alguma coisa pensem: Puxa, não sou Eu quem está sofrendo, é o meu Ego!. Saber reconhecer essa diferença nos faz viver em Paz, aceitar o sofrimento como experiência necessária para o crescimento, nos torna mais serenos, alivia imediatamente a dor. No momento em que reconhecermos essa diferença a Luz Divina estará nos ajudando e aliviará nosso sofrimento. Vocês já repararam na serenidade que vemos no rosto de algumas pessoas iluminadas? Em todas as religiões existem pessoas iluminadas que espalham ao redor de si essa sensação de harmonia e serenidade. O Dalai Lama é um dos exemplos, o Papa João Paulo II também o era, assim como outros tantos de todas as raças e cores, provenientes de todas as religiões do mundo! Eles estão SEMPRE com o Eu Interior conectado com o Todo e reconhecem a diferença entre o Ego e o Eu. Assim, vivem serenamente. 




11 de novembro de 2010

Amor e tesão


Algumas vezes, os casais estão envolvidos numa relação conturbada, cheia de brigas, mas, quando estão na cama, tudo flui de forma muito boa. Os problemas são resolvidos na cama, pois o diálogo entre os dois já não existe mais. Quando isso acontece, pode-se dizer que a dupla já não está mais junta por causa do amor que os une, mas sim, por um tesão tão grande que impede que eles se separem.
 É, muitas vezes as pessoas confundem amor e tesão. Normalmente, estes dois sentimentos andam juntos numa relação, fazendo com que o casal tenha uma vida diária harmoniosa e uma vida sexual boa também. Em alguns casos, o tesão acaba antes e o casal se separa, ou o amor termina e não tem mais como levar a relação adiante.
 Porém, muitos casais estão tão envolvidos sexualmente um com o outro que fica difícil largar aquele parceiro tão “bom na cama”. A relação sexual continua muito boa, mas a vida em comum dos dois está caótica. O que acontece, então? Eles brigam por qualquer coisa, não conseguem chegar a um acordo em nada, a não ser quando vão para a cama fazer sexo. Neste momento, tudo fica maravilhoso e perfeito.
 É claro que o desejo sexual pelo outro é importante em um relacionamento, mas ele não é tudo, pois a dupla precisa resolver coisas que são bem práticas, ter paciência um com o outro, respeito pelas diferenças e semelhanças e cumplicidade fora do quarto do casal. E isto só se consegue quando ainda existe amor, respeito e admiração um pelo outro.
 Muitas pessoas se perguntam freqüentemente qual é o sentimento real pelo seu parceiro, e descobrir se é amor ou tesão não é tão fácil assim. Uma forma de começar a pensar sobre isso é, quando a relação se resume a tesão pelo outro, tudo que acontece na cama é maravilhoso, porém, a vida real do casal é repleta de brigas, desentendimentos, distanciamento e falta de diálogo. O casal na cama é extremante carinhoso, o sexo é cheio de fogo, mas, passado o orgasmo, acaba a paixão.
 Se isto acontecer, é amor de cama mesmo, tesão puro. Cabe então a cada um decidir se vai permanecer numa relação destas ou pular fora o quanto antes. Até porque, por mais que seja muito forte, o tesão pode acabar. Além disso, em relações baseadas no desejo, a insegurança impera, pois nunca se sabe o que o outro quer ou irá fazer.
 Amor é diferente, por mais que se brigue, sempre tem a saudade, o desejo de estar ao lado do outro e, mais importante, a vontade de fazer com que as coisas dêem certo entre os dois. O ideal na vida de um casal é que exista um equilíbrio entre o tesão, o desejo, o fogo e o amor, a compreensão, a cumplicidade. Tudo que é demais de um lado e de menos de outro, acaba por desgastar a relação e tornar tudo muito mais difícil.
 Relações seguras e saudáveis são compostas por tesão e amor, onde os dois estão envolvidos de corpo e alma e o diálogo leva à resolução dos problemas. Onde um ou outro for muito maior, a relação pode entrar em um processo de apego sexual ou obsessão amorosa.


Anne Griza
Sexóloga

Retirado do blog amor com desejo.

8 de novembro de 2010

Todo Amor Que Houver Nessa Vida

Eu quero a sorte de um amor tranquilo
Com sabor de fruta mordida
Nós na batida, no embalo da rede
Matando a sede na saliva
Ser teu pão, ser tua comida
Todo amor que houver nessa vida
E algum trocado pra dar garantia!

E ser artista no nosso convívio
Pelo inferno e céu de todo dia
Pra poesia que a gente nem vive
Transformar o tédio em melodia
Ser teu pão ser tua comida
Todo amor que houver nessa vida
E algum veneno antimonotonia

E se eu achar a tua fonte escondida
Te alcanço em cheio, o mel e a ferida
E o corpo inteiro, feito um furacão
Boca, nuca, mão e a tua mente, não!
Ser teu pão ser tua comida
Todo amor que houver nessa vida
E algum remédio que me dê alegria

Ser teu pão, ser tua comida
Todo amor que houver nessa vida
E algum trocado pra dar garantia
E algum veneno antimonotonia
e algum...

Frejat/ Cazuza

6 de novembro de 2010

Paixão não se escolhe,somente atende ao desejo.

          A Dança .Escolha inconsciente!


  Uma das minhas grandes paixões é dançar, eu amo qualquer tipo de movimento que trabalhe o corpo, ouça a música!E realize o que seu corpo e mente desejam que ela perpetue,ela me leva incondicionalmente ao êxtase, o mais rápido possível, me sinto transcender, ao tempo, ao vento à mim mesma.Me encanta!
  Segundo a enciclopédia livre,"A dança é uma das três principais artes cênicas da Antiguidade, ao lado do teatro e da música. Caracteriza-se pelo uso do corpo seguindo movimentos previamente estabelecidos (coreografia) ou improvisados (dança livre).[1] Na maior parte dos casos, a dança, com passos cadenciados é acompanhada ao som e compasso de música e envolve a expressão de sentimentos potenciados por ela."
  A dança me faz ir a fundo, no que diz a respeito as minhas inquietações, alegrias,angustias,poder,prazer,expectativas, relações sociais,enfim ,sobretudo revela aquilo que eu sei e quero transmitir,mais ainda ,  transcende o meu inconsciente.
  De acordo com Rodrigo Amorim(2000) considera a educação como evolução e transformação do indivíduo, considerando a dança como um contínuo da Educação Física, expressão da corporeidade e considerando o movimento um meio para se visualizar a corporeidade dos nossos alunos, a dança na escola deve proporcionar oportunidades para que o aluno possa desenvolver todos os seus domínios do comportamento humano e, através de diversificações e complexidades, o professor possa contribuir para a formação de estruturas corporais mais complexas. O educador físico se utiliza da dança mas no aspecto biológico que é sua área de atuação.
  É preciso deixar claro que professor de educação física não é professor de dança. Apesar deste profissional se utilizar da dança como instrumento, em academias de ginástica para obter condicionamento físico e melhorar a qualidade de vida por exemplo. Os cursos de Educação Física não formam ou qualificam profissionais de dança, seja o artista bailarino, dançarino ou coreógrafo, embora a dança possa e deva ser usada como conteúdo nas aulas de Educação Física."
     A dança é aquela que fez no passado,(rsrsrs)ae o que sou hoje e que serei amanhã, tá na carne, ta veia e na alma,não tem como tirar,ao ouvir um ruído que seja ,ao som de um bela musica ,ou uma batida envolvente, logo logo,já vem o convite a dançar.
   Experimente também a dançar e seja feliz, conheça o seu corpo, realiza aquilo que ele te possibilita, inventa,imagina- se, se envolva consigo mesma e com os outros.Faz um bem danado, faça essa escolha! A minha foi inconsciente e aprovadíssima.

KEMT.

31 de outubro de 2010

Só de sacanagem


Só de sacanagem

Meu coração está aos pulos!
Quantas vezes minha esperança será posta a prova?
Por quantas provas terá ela que passar?

Tudo isso que está aí no ar: malas, cuecas que voam entupidas de dinheiro.
Do meu dinheiro, do nosso dinheiro que reservamos duramente pra educar os meninos mais pobres que nós, pra cuidar gratuitamente da saúde deles e dos seus pais.
Esse dinheiro viaja na bagagem da impunidade e eu não posso mais.

Quantas vezes, meu amigo, meu rapaz, minha confiança vai ser posta a prova?
Quantas vezes minha esperança vai esperar no cais?
É certo que tempos difíceis existem pra aperfeiçoar o aprendiz, mas não é certo que a mentira dos maus brasileiros venha quebrar no nosso nariz.

Meu coração tá no escuro. A luz é simples, regada ao conselho simples de meu pai, minha mãe, minha avó e todos os justos que os precederam. 'Não roubarás!', 'Devolva o lápis do coleguinha','Esse apontador não é seu, minha filha'.

Ao invés disso, tanta coisa nojenta e torpe tenho tido que escutar! Até habeas corpus preventiva, coisa da qual nunca tinha visto falar, sobre o qual minha pobre lógica ainda insiste: esse é o tipo de benefício que só ao culpado interessará!

Pois bem, se mexeram comigo, com a velha e fiel fé do meu povo sofrido, então agora eu vou sacanear! Mais honesta ainda eu vou ficar! Só de sacanagem!
Dirão: 'Deixe de ser boba! Desde Cabral que aqui todo mundo rouba!
E eu vou dizer: 'Não importa! Será esse o meu carnaval! Vou confiar mais e outra vez. Eu, meu irmão, meu filho e meus amigos.'
Vamo pagar limpo a quem a gente deve e receber limpo do nosso freguês. Com o tempo, a gente consegue ser livre, ético e o escambal.

Dirão: 'É inútil! Todo mundo aqui é corrupto desde o primeiro homem que veio de Portugal!'

E eu direi: 'Não admito! Minha esperança é imortal, ouviram? Imortal!'
Sei que não dá pra mudar o começo, mas, se a gente quizer, vai dar pra mudar o final!



Ana Carolina e Seu Jorge

21 de setembro de 2010

Longe do meu lado

Se a paixão fosse realmente um bálsamo
O mundo não pareceria tão equivocado
Te dou carinho, respeito e um afago
Mas entenda, eu não estou apaixonado

A paixão já passou em minha vida
Foi até bom mas ao final deu tudo errado
E agora carrego em mim
Uma dor triste, um coração cicatrizado

E olha que tentei o meu caminho
Mas tudo agora é coisa do passado
Quero respeito e sempre ter alguém
Que me entenda e sempre fique ao meu lado
Mas não, não quero estar apaixonado.

A paixão quer sangue e corações arruinados
E saudade é só mágoa por ter sido
Feito tanto estrago
E essa escravidão e essa dor
Não quero mais

Quando acreditei que tudo era um fato consumado
Veio a foice e jogou-te longe
Longe do meu lado

Não estou mais pronto para lágrimas
Podemos ficar juntos
E vivermos o futuro, não o passado
Veja o nosso mundo

Eu também sei que dizem
Que não existe amor errado
Mas entenda, não quero estar apaixonado.

Renato Russo

10 de setembro de 2010

Mais ou Menos

A gente pode
morar numa casa mais ou menos,
numa rua mais ou menos,
numa cidade mais ou menos
e até ter um governo mais ou menos.

A gente pode
dormir numa cama mais ou menos,
comer um feijão mais ou menos,
ter um transporte mais ou menos
e até ser obrigado a acreditar
mais ou menos no futuro.

A gente pode
olhar em volta e sentir que tudo está mais ou menos.

Tudo bem.

O que a gente não pode
mesmo, nunca, de jeito nenhum
é amar mais ou menos,
é sonhar mais ou menos,
é ser amigo mais ou menos,
é namorar mais ou menos,
é ter fé mais ou menos
e acreditar mais ou menos.

Senão a gente corre o risco de se tornar
uma pessoa mais ou menos..

- Chico Xavier

28 de agosto de 2010

tradução do tema do filme "Don Juan de Marco"


(Have You Ever Really Loved a Woman? - Bryan Adams)"

Para realmente amar uma mulher, para compreendê-la, Você precisa conhecê-la profundamente por dentro, Ouvir cada pensamento -

ver cada sonho E dar-lhe asas - quando ela quiser voar.

Então, quando você se achar repousando Desamparado em seus braços, Você

saberá que realmente ama uma mulher...

Quando você ama uma mulher, Você lhe diz que ela realmente é desejada.

Quando você ama uma mulher, Você lhe diz que ela é a única, Pois ela precisa de alguém para dizer-lhe Que vai durar para sempre.

Então diga-me: você realmente, Realmente, realmente já amou uma mulher?

Para realmente amar uma mulher, Deixe-a te segurar Até que você saiba como ela precisa ser tocada.

Você precisa respirá-la - realmente provar o gosto dela Até você possa sentí-la em seu sangue.

E quando você puder ver suas crianças que ainda não nasceram dentro dos olhos dela, Você saberá que realmente ama uma mulher...

Você precisa dar-lhe um pouco de confiança - segurá-la bem apertado, Um pouco de ternura - precisa tratá-la corretamente.

Ela estará lá por você, cuidando bem de você, Você realmente precisa amar sua mulher...

Então, quando você se achar repousando Desamparado em seus braços, Você saberá que realmente ama uma mulher...

Então diga-me: você realmente, Realmente, realmente já amou uma mulher?"

23 de agosto de 2010

CARLOS DRUMOMND

As sem razões do amor Por muito tempo achei que a ausência é falta.
E

Eu te amo porque te amo.
Não precisas ser amante,
e nem sempre sabes sê-lo.
Eu te amo porque te amo.
Amor é estado de graça
e com amor não se paga.

Amor é dado de graça,
é semeado no vento,
na cachoeira, no elipse.
Amor foge a dicionários
e a regulamentos vários.

Eu te amo porque não amo
bastante ou demais a mim.
Porque amor não se troca,
não se conjuga nem se ama.
Porque amor é amor a nada,
feliz e forte em si mesmo.

Amor é primo da morte,
e da morte vencedor,
por mais que o matem (e matam)
a cada instante de amor.

__________________________________________
Por muito tempo achei que a ausência é falta.
E lastimava, ignorante, a falta.
Hoje não a lastimo.
Não há falta na ausência.
A ausência é um estar em mim.
E sinto-a, branca, tão pegada, aconchegada nos meus braços,
que rio e danço e invento exclamações alegres,
porque a ausência, essa ausência assimilada,
ninguém a rouba mais de mim.

17 de agosto de 2010

A Bunda Dura -Arnaldo Jabor


Tenho horror a mulher perfeitinha.
Sabe aquele tipo que faz escova toda manhã, tá sempre na moda e é tão sorridente que parece garota-propaganda de processo de clareamento dentário?
E, só pra piorar, tem a bunda dura?

Pois então, mulheres assim são um porre.
Pior: são brochantes.

Sou louco?
Então tá, mas posso provar a minha tese.

Quer ver?
a) Escova toda manhã: A fulana acorda as seis da matina pra deixar o cabelo parecido com o
da Patrícia de Sabrit. Perde momentos imprescindíveis de rolamento na cama, encoxamento do
namorado, pegação... pra encaixar-se no padrão 'Alisabel', que é legal, porque todas as amigas têm o cabelo igual...
Burra.

b) Na moda:
Estilo pessoal pra ela, é o que aparece nos anúncios da Elle do mês. Você vê-la de shortinho, camiseta surrada e cabelo preso? JAMAIS!
O que indica uma coisa: Ela não vai querer ficar desarrumada nem enquanto estiver transando.

c) Bunda dura:
As muito gostosas são muito chatas. Pra manter aquele corpão, comem alface e tomam isotônico (isso quando não enfiam o dedo na garganta pra se livrar das 2 calorias que ingeriram), portanto não vão acompanhá-lo nos pasteizinhos nem na porção de bolinho de arroz do sabadão.
Bebida dá barriga e ela tem H-O-R-R-O-R a qualquer carninha saindo da calça de cintura tão baixa que o cós acaba onde começa a pornografia: nada de tomar um bom vinho com você.
Cerveja? Esquece!
Legal mesmo é mulher de verdade !!!
E daí se ela tem celulite? O senso de humor compensa.
Pode ter uns quilinhos a mais, mas é uma ótima companheira.
Pode até ser meio mal-educada às vezes, mas adora sexo.
Porque celulite, gordurinhas e desorganização têm solução (e, às vezes, nem chegam a ser um problema).
Mas ainda não criaram um remédio pra futilidade.
E não se esqueça...

'Mulher bonita demais e melancia grande, ninguém come sozinho!!!'

A Bunda Dura -Arnaldo Jabor


Tenho horror a mulher perfeitinha.
Sabe aquele tipo que faz escova toda manhã, tá sempre na moda e é tão sorridente que parece garota-propaganda de processo de clareamento dentário?
E, só pra piorar, tem a bunda dura?

Pois então, mulheres assim são um porre.
Pior: são brochantes.

Sou louco?
Então tá, mas posso provar a minha tese.

Quer ver?
a) Escova toda manhã: A fulana acorda as seis da matina pra deixar o cabelo parecido com o
da Patrícia de Sabrit. Perde momentos imprescindíveis de rolamento na cama, encoxamento do
namorado, pegação... pra encaixar-se no padrão 'Alisabel', que é legal, porque todas as amigas têm o cabelo igual...
Burra.

b) Na moda:
Estilo pessoal pra ela, é o que aparece nos anúncios da Elle do mês. Você vê-la de shortinho, camiseta surrada e cabelo preso? JAMAIS!
O que indica uma coisa: Ela não vai querer ficar desarrumada nem enquanto estiver transando.

c) Bunda dura:
As muito gostosas são muito chatas. Pra manter aquele corpão, comem alface e tomam isotônico (isso quando não enfiam o dedo na garganta pra se livrar das 2 calorias que ingeriram), portanto não vão acompanhá-lo nos pasteizinhos nem na porção de bolinho de arroz do sabadão.
Bebida dá barriga e ela tem H-O-R-R-O-R a qualquer carninha saindo da calça de cintura tão baixa que o cós acaba onde começa a pornografia: nada de tomar um bom vinho com você.
Cerveja? Esquece!
Legal mesmo é mulher de verdade !!!
E daí se ela tem celulite? O senso de humor compensa.
Pode ter uns quilinhos a mais, mas é uma ótima companheira.
Pode até ser meio mal-educada às vezes, mas adora sexo.
Porque celulite, gordurinhas e desorganização têm solução (e, às vezes, nem chegam a ser um problema).
Mas ainda não criaram um remédio pra futilidade.
E não se esqueça...

'Mulher bonita demais e melancia grande, ninguém come sozinho!!!'

16 de agosto de 2010

Eu sei vou voar

quanto mais eu digo "te amo",mas eu te amo
Quanto mais eu digo "tenho medo",mas eu temo
Mas historia se constrói quanto mais eu conto historias
E quanto mais desculpas eu dou , mas a culpa me destrói
E assim dizendo umas coisas, assim eu invento o meu viver
E assim falando umas frases tudo tem haver
POde acreditar
Eu sei Voar, eu sei voar
POde acreditar eu ainda estou no ar e ainda vou te chamar
Vou dando um "Bom dia" e os dias ficam legais
Vou conjugando o meu destino, as mistérios dos tempios verbais
E assim tecendo argumentos
Mantendo a minha razão, e assim jogando palavras
Controlo o batimento do coração.


(Kid Abelha)

5 de agosto de 2010

Professores de Educação Fisíca e sua Atribuições.

PROF. ED. FÍSICA não come, combina: prot+carb+vit.
PROF. ED. FÍSICA não cheira, olfata.
PROF. ED. FÍSICA não toca, faz avaliação física.
PROF. ED .FÍSICA não respira, quebra carboidratos.
PROF. ED. FÍSICA não elogia, descreve processos.
PROF. ED. FÍSICA não tem reflexos, tem mensagem neurotransmitida involuntária.
PROF. ED. FÍSICA não facilita discussões, catalisa substratos.
PROF. ED. FÍSICA não transa, Faz séries com muitas repetições.
PROF. ED. FÍSICA não admite algo sem resposta, analisa o hereditário.
PROF. ED. FÍSICA não fala, coordena vibrações nas cordas vocais.
PROF. ED. FÍSICA não pensa, faz sinapses.
PROF. ED. FÍSICA não toma susto, recebe resposta galvânica incoerente.
PROF. ED. FÍSICA não chora, produz secreções lacrimais.
PROF. ED. FÍSICA não espera retorno de chamadas, espera feedbacks.
PROF. ED. FISICA não se apaixona, sofre reações químicas...

2 de agosto de 2010

Não sei quem eu sou

Não sei quem sou, que alma tenho.
Quando falo com sinceridade não sei com que sinceridade falo.
Sou variamente outro do que um eu que não sei se existe (se é esses outros)...
Sinto crenças que não tenho.
Enlevam-me ânsias que repudio.
A minha perpétua atenção sobre mim perpetuamente me pontatraições de alma a um carácter que talvez eu não tenha,nem ela julga que eu tenho.
Sinto-me múltiplo.
Sou como um quarto com inúmeros espelhos fantásticosque torcem para reflexões falsasuma única anterior realidade que não está em nenhuma e está em todas.
Como o panteísta se sente árvore (?) e até a flor,
eu sinto-me vários seres.
Sinto-me viver vidas alheias, em mim, incompletamente,como se o meu ser participasse de todos os homens,
incompletamente de cada (?),
por uma suma de não-eus sintetizados num eu postiço."
Fernando Pessoa

26 de julho de 2010

Amigos são Anjos


Os verdadeiros amigos são anjos! Descobri essa irrefutável verdade ao perceber o quanto são raras essas preciosidades que chegam de repente na vida da gente e se alojam devagarzinho em local especial e essencial da nossa existência.No decorrer dos anos, encontramos vários tipos de anjos. Alguns são sonsos, vão se apoderando do nosso carinho como quem não quer nada, até que, quando percebemos, já lhes dedicamos nosso afeto integral... Outros são mais atirados; já chegam mostrando claramente com seus olhos sinceros o quanto nossa amizade é importante para eles... Alguns chegam necessitando de curativos nos ferimentos causados por amigos que não eram anjos... Outros chegam para sarar nossos próprios ferimentos... Alguns são leves e divertidos; nos mostram a alegria da vida... Outros, não menos honestos, nos mostram a seriedade com que a vida deve ser enfrentada... Alguns têm suas qualidades tão à mostra, que a um primeiro olhar já sabemos a que vieram...Outros têm essas mesmas qualidades muito bem guardadas e precisamos ir desvendando-as aos poucos... Alguns esbarram na gente numa esquina qualquer, sem avisar e nos dão carinhos reais, sorrisos reais, proteção real.... Uns não são melhores nem piores que os outros; são apenas diferentes, com suas qualidades que devemos salientar, com seus defeitos que devemos enfrentar (pois quando gostamos temos compromisso de ser fiéis até aos defeitos do nosso anjo). O importante é tentarmos, ao longo das nossas vidas, termos sempre algum anjo com o qual possamos contar nas horas difíceis para nos dar alento... e nas horas alegres para rir com a gente, rir da gente, da vida enfim... O importante é termos anjos... O importante é sermos anjos...
(Autoria: Lucia Padilha)

12 de julho de 2010

Pássaro de fogo

Vai se entregar pra mim
Como a primeira vez
Vai delirar de amor
Sentir o meu calor
Vai me pertencer
Sou pássaro de fogo
Que canta ao teu ouvidoVou ganhar esse jogo,
Te amando feito um louco
Quero teu amor bandido
Minha alma viajante, coração independente
Por você corre perigoTo afim dos teus segredos
De tirar o teu sossegoSer bem mais que um amigo
Não diga que nãoNão negue a você
Um novo amor
Uma nova paixãoDiz pra mim...
Tão longe do chão
Serei os seus pés
Nas asas do sonho rumo ao teu coração
Permita sentir
Se entrega pra mim
Cavalga em meu corpo
Oh minha eterna paixão...





Paula Fernandes